Histórico

O  Núcleo  Paraná –  NEPAR da Sociedade Brasileira de Ciência do Solo-SBCS nasceu da aspiração antiga de um grupo de pesquisadores, professores e técnicos ligados  à  área de  solos  e  com  atuação  no  Paraná,  que  sentiam  a  necessidade  de  haver  no  Estado  um espaço  de  discussão  e  troca  de  informações  sobre  as  questões  ligadas  ao  manejo  e conservação do solo. Durante algum tempo este espaço foi tentativamente buscado junto ao Núcleo Regional Sul da SBCS, que abrangia os estados do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina  e  havia  sido  criado  em  1995.  Entretanto,  devido  ás  diferenças  regionais  e aproveitando as  potencialidades e o número de professores, pesquisadores e estudantes da ciência do solo  no Paraná, decidiu-se pela criação do NEPAR. A aprovação para a criação do Núcleo Estadual Paraná (NEPAR) da SBCS se deu na Assembleia Final do XXIX Congresso Brasileiro de Ciência do Solo, realizado em Ribeirão Preto, SP, em julho de 2003.  À época, a  Sociedade  Brasileira  de  Ciência  do  Solo  era  Presidida  por  Mariângela  Hungria, pesquisadora da Embrapa/Soja, Londrina.

Passados três anos, nenhuma ação concreta ocorreu para a implantação do NEPAR.No entanto, a partir de junho de 2006, por iniciativa do Prof. João Alfredo Braida, à época pertencente aos quadros da UTFPR/Campus Pato Branco, foi criado um grupo de discussão via Internet, convidando, inicialmente, 85 pessoas para aderirem ao NEPAR e para traçarem algumas linhas de trabalho que poderiam ser realizadas.

Uma das ações definidas foi a de solicitar um espaço junto a Comissão Organizadora do XXXI Congresso Brasileiro de Ciência do  Solo, realizado em Gramado, RS, em agosto de 2007,  solicitando  auxílio  ao  Presidente  do  Congresso,  Prof.  Flávio  Anastácio  Oliveira Camargo, que nesse evento  viria a ser eleito Presidente da SBCS, e ao Prof. Ricardo Simão Diniz  Dalmolin,  que  presidia  o  NRS,  para  que  estes  auxiliassem  o  futuro  NEPAR,  com  a experiência  acumulada,  na  estruturação  do  Núcleo.  Esta  reunião  ocorreu  no  dia  07  de agosto de 2007, no Hotel Serrano, em Gramado, RS, conforme registrado em ata.

Nesta  reunião, que pode ser considerada um  marco na história inicial do NEPAR, embora ainda existisse alguma expectativa de incorporação do grupo do Paraná no NRS, isso não aconteceu, e definitivamente definiu-se pela criação do NEPAR. Uma nova reunião foi agendada para o dia 22 de novembro de 2007, na cidade de Guarapuava, PR, conforme registrado em ata.  Essa  reunião marcou o início dos trabalhos oficiais do NEPAR, sendo que na ocasião decidiu-se pela constituição de uma diretoria provisória,  que  contava com os seguintes  membros: Diretor  –  João  Alfredo Braida (UTFPR/Campus Pato Branco); Secretário –  Antonio  Costa  (IAPAR/Londrina);  Tesoureiro  –  Luís  César  Cassol  (UTFPR/Campus  Pato Branco).

Esta  diretoria  provisória  teve  a  missão  de  começar  a  estruturação  do  NEPAR  e organizar a I Reunião Paranaense de Ciência do Solo  (I RPCS), a qual foi realizada em Pato Branco, PR, nos dias 07 e 08 de maio de 2009. O tema da reunião, organizada pela UTFPR, foi  “Histórico e Desafios da Ciência do Solo no Paraná”, e contou com a presença de 200 pessoas e a apresentação de 99 trabalhos científicos, nas diversas áreas da ciência do solo. Na Assembleia Final da I RPCS definiu-se que Curitiba seria sede da II RPCS e que esta seria realizada  a  cada dois  anos.  Também foi  escolhida  a  primeira diretoria do  NEPAR, assim constituída: Diretor – Gonçalo Signorelli de Farias (IAPAR/Londrina); Vice-Diretor – Oromar João  Bertol  (EMATER/Curitiba);  Secretário  –  Marcelo  Marques  Lopes  Muller (UNICENTRO/Campus  Guarapuava);  Tesoureiro  –  Volnei  Pauletti  (UFPR/Curitiba).  Essa diretoria  teve  por  missão  estruturar  administrativa  e  financeiramente  o  NEPAR,  o  que conseguiu com sucesso durante sua gestão,  e organizar a II Reunião Paranaense de Ciência do Solo.

A II Reunião Paranaense de Ciência do Solo  (II RPCS)  foi realizada em Curitiba, PR, no  período  de  04  a  08  de  maio  de  2011,  na  Universidade  Federal  do  Paraná  (UFPR).  A organização coube ao Departamento de Solos e Engenharia Agrícola e ao Programa de Pós Graduação  em  Ciência  do  Solo  da  UFPR,  conjuntamente  com  a  Sociedade  brasileira  de Ciência  do  Solo  –  Núcleo  Estadual  do  Paraná.  O  evento  contou  com  427  congressistas. Foram proferidas 14 palestras, 24 trabalhos foram selecionados para apresentação oral e outros 262 foram dispostos em pôsteres. Os trabalhos apresentados foram registrados na publicação “Resumos da II Reunião Paranaense de Ciência do Solo”, documento de 309 páginas,  disponível  no  site  do  NEPAR  (www.sbcs-nepar.org.br)  para  download  gratuito. Realizou-se  08  minicursos  e  excursões.  Aprovou-se  no  evento  a  Carta  de  Curitiba, disponível na aba documentos do mesmo site, que enfatizou ser o solo um corpo natural onde  atua  um  complexo  sistema  físico-químico-biológico  que  interage  com  os  demais componentes do ambiente terrestre e que deve ser compromisso da humanidade proteger o Solo contra erosão, contaminação, desertificação, compactação e fluxos de massa, para em  conjunto  com  a  água,  o  ar  e  a  biodiversidade  e,  com  visão  holística,  utilizar  esses recursos naturais de forma sustentável em seu próprio benefício.  E conclui  propondo ações para a concretização desse compromisso.  Ainda durante a II RPCS foi eleito o LATOSSOLO como solo símbolo do Paraná.  Na II RPCS foi eleita a nova diretoria do NEPAR,  para o biênio 2011-2013, que ficou assim constituída: Diretor –  Oromar João Bertol (EMATER/Curitiba); Vice-Diretor -  Arnaldo Colozzi Filho (IAPAR/Londrina); Secretário –  Marcelo Marques Lopes Muller (UNICENTRO/Câmpus Guarapuava); Tesoureiro – Volnei Pauletti (UFPR/Curitiba).

A  III  Reunião  Paranaense  de  Ciência  do  Solo  (III  RPCS)  teve  por  objetivo  discutir resultados  de  pesquisa  e  divulgar  novas  tecnologias  relacionadas  ao  uso,  manejo  e conservação dos solos no Paraná. O evento abordou de maneira ampla o tema “Sistemas Conservacionistas de Produção e suas Interações com a Ciência do Solo”.

A  reunião  aconteceu  em  Londrina,  PR,  entre  07  e  09  de  maio  de  2013  e  foi organizada  pelo  Governo  do  Estado  do  Paraná,  através  da  Secretaria  de  Agricultura  e  Abastecimento  –  SEAB  e  do  Instituto  Agronômico  do  Paraná  –  IAPAR,  e  contou  com  a promoção  da  Sociedade  Brasileira  de  Ciência  do  Solo  –  Núcleo  Estadual  do  Paraná.  A programação  científica  foi  constituída  por  duas  conferências,  uma  sessão  plenária composta por três  palestras e uma sessão de pôsteres científicos no primeiro dia; nove painéis temáticos com até três contribuições em cada um deles e outra sessão de pôsteres no segundo dia. Os minicursos, visitas técnicas e reuniões específicas foram realizadas no terceiro e último dia.

Participaram da III RPCS 682 congressistas, de 115 instituições do Paraná e de mais cinco Estados da Federação. O número de trabalhos apresentados foi de 324 , registrados na publicação “Resumos da III Reunião Paranaense de Ciência do Solo”,  documento de 570 páginas, disponível no site do NEPAR.  Durante o evento foram realizados quatro minicursos com  participação  de  143  congressistas  e  duas  visitas  técnicas,  da  qual  participaram  68 congressistas.

Em Assembléia Geral Ordinária realizada durante a III RPCS foi eleita a Diretoria do Núcleo Estadual Paraná da Sociedade Brasileira de Ciência do Solo para o biênio 2013-2015 que ficou assim constituída: Diretor – Arnaldo Colozzi Filho (IAPAR-Londrina), Vice-Diretor –  Nelson Harger (Emater-Apucarana), Secretário –  Luis César Cassol (UTFPR-Pato Branco), Tesoureiro – Marco Antônio Nogueira (EMBRAPA Soja-Londrina).

historico1

Reunião de planejamento do Núcleo Estadual Paraná da SBCS, realizada nos dias 30 e 31 de julho e 1 de agosto, no IAPAR em Londrina. Na foto, da esquerda para a direita: Marcelo Ricardo de Lima, Adônis Moreira, Marcelo Muller, Antônio Carlos Motta, Nilvania Mello, Antonio Costa, Arnaldo Colozzi Filho, Graziela Barbosa, Marcelo Augusto Batista, Josiane Burkner, Luis Cesar Cassol, Aline M. Genú, Nelson Harger, João Luiz Carvalho.

Durante  o  biênio  2013-2015,  a diretoria desenvolveu intenso trabalho de consolidação  do  NEPAR,  focado principalmente  no  planejamento  e  na ampliação  do  grupo.  Para  tanto  foi
realizada em Londrina, em julho de 2014, uma reunião para a definição de objetivos e  metas  do  núcleo.  Também  foram convidados  diversos  professores  e pesquisadores do estado para integrar as divisões  do  NEPAR,  seguindo  o  mesmo desenho  institucional  da  SBCS.  A  equipe atual  encontra-se  nominada  no  site.  Foi implantado  o  Conselho  Editorial,  que criou  a  política  editorial  do  NEPAR  e coordenou  as publicações do Manual de Biologia do Solo, do Manual de Corretivos e  Fertilizantes  e  dos  Anais  da  IV  RPCS. Também  foram  realizadas  várias  ações  de  divulgação  na  imprensa  através  da publicação  de  textos  em  jornais  regionais  alusivos  a  datas  comemorativas  de  temas técnicos  (Dia Nacional da Conservação do Solo, Dia Internacional do Solo)  ou que tenham afinidade com a missão do NEPAR (Dia do Agrônomo). Em maio de 2015, o NEPAR participou, a convite  da  SBCS,  do  Seminário  sobre Governança  do  Solo,  promovido  e organizado  pelo  Tribunal  de  Contas  da União, realizando um painel de discussão sobre “Legislação Específica Sobre Uso e Conservação  do  Solo”.  Este  painel  visou contribuir  com  a  discussão  de  temas importantes  para  a  instalação  do processo  de  governança,  tais  como  a efetividade  da  lei  como  instrumento  de preservação  de  um  recurso  natural,  a necessidade  da  geração  do  costume  e  a articulação  entre  os  diversos  segmentos sociais  em  torno  de  um  bem  comum. Além  disto,  apresentou  também  a experiência do estado no desdobramento da  legislação  específica  em  programas  e políticas  públicas  que  no  seu  conjunto realizaram  a  ligação  dos  diversos elementos da paisagem para assim obterse  para  além  da  conservação  do  solo  a qualidade ambiental.

Também  neste  período  foi  implantado  o  atual  site  do  NEPAR  www.sbcsnepar.org.br  .  decisão  tomada  na  reunião  de  planejamento,  que  apontou  para  a necessidade de divulgação do NEPAR. Paralelamente também foi lançado a FanPage do NEPAR no FaceBook  www.facebook.com/sbcspr .  No âmbito administrativo, o NEPAR se consolidou com a  regularização de sua situação contábil,  registrando  CNPJ próprio, o que permitiu abertura de conta bancária para gestão dos recursos próprios e dos captados pela comissão organizadora da IV RPCS.

historico2

Da esquerda para a direita, Chris R. Huller, Caroline T. Marçal, Nilvania A. Mello e Oromar Bertol, palestrantes no painel sobre legislação em solos organizado pelo NEPAR na Seminário Governança do Solo realizado pelo TCU em Brasilia, em maio de 2015.

A IV Reunião Paranaense de Ciência do Solo-RPCS será realizada no Centro de Convenções e Cascavel no período de 20 a 22 de maio de 2015. Está sendo organizada pela UNIOESTE – Cursos
de Agronomia, Biologia, Engenharia Agrícola e Geografia, com o apoio da Universidade Federal do Paraná  –  UFPR  -  Palotina, Universidade Tecnológica Federal do Paraná  –  UTFPR  –  Medianeira e Campo Mourão, Pontifícia Universidade Católica –  PUC –  Toledo, Instituto Agronômico do Paraná –  Santa  Tereza.  Todas  as  informações  relativas  ao  evento  se  encontram  no  site www.rpcs2015.com.br  .  A  Comissão  organizadora  relata  a  inscrição  de  mais  de  400  trabalhos técnicos para apresentação na forma de pôster, e em torno de 600 pré-inscritos. A expectativa é de  que  aproximadamente  800  pessoas  participem  do  evento.  A  IV  RPCS  tem  por  tema  central “DESAFIOS DA CIÊNCIA DO SOLO NO CONTEXTO DAS DIFERENTES AGRICULTURAS DO PARANÁ”.

*Este texto foi escrito conjuntamente por Antonio Costa  -  IAPAR, Luis Cesar Cassol  –  UTFPR/Pato Branco, João Alfredo Braida – UFS/Laranjeiras do Sul e Arnaldo Colozzi Filho – IAPAR.

Criação de sites e lojas virtuais